Alimentadores: A violência contra mulheres acima do peso

Cada pessoa tem seus próprios conceitos e idéias sobre beleza, como também seus ideais, portanto, é impossível definir alguns parâmetros como sendo obrigatórios. O tamanho do corpo, suas proporções, volumes e cor do cabelo ou cor dos olhos dependem das preferências. Se dissermos a uma pessoa que está na hora de começar a emagrecer, seremos acusados ​​de intolerância, porque esta é a escolha pessoais e devemos respeitá-la. Muitas pessoas ao ver um casal apaixonado, em que um dos parceiros claramente pesa muito mais do que o outro, não entendem tal união. A maioria das pessoas ainda acredita que a atratividade externa em um relacionamento é muito mais importante, mesmo que as pessoas se amem um ao outro, você precisa cuidar de si mesmo, eliminar o excesso de peso para que não se torne um problema no relacionamento.

Curiosamente, nem todo mundo pensa assim. Talvez você já tenha ouvido um termo como “alimentadores”. Assim chamado a categoria de pessoas que gostam do fato de que seu parceiro esteja ganhando peso. Além disso, eles até contribuem para esse processo. O que acontece com estas pessoas não são apenas preferências por tal corpo, é um tipo de doença, um desejo maníaco de tornar seu parceiro ainda mais gordo. Acontece que os alimentadores engordam seus parceiros para se satisfazerem, mas não pensam no estado da saúde da sua vítima.

Em geral, o mundo tomou conhecimento sobre tal fenômeno após a história de um homem chamado Mark, que engordou sua esposa até atingir enormes proporções. Até Gina conhecer Mark, seu peso era de pouco menos de 90 kg. Quando ela se casou, ela começou a engordar mais e mais. Mark disse que suas formas estavam ficando mais bonitas e mais sexy, então a mulher chegou à marca de 381 kg. Mas você não deve pensar que este é apenas um caso isolado. O fato é que o marido filmou todos os processos que ocorreram em sua própria casa: como ele a alimentou, como ela aumentou seu peso, e os registros foram espalhados no site pelos mesmos fetichistas que escreveram comentários entusiasmados para ele.

Muitas vezes a esposa queria perder peso, mas o marido a proibiu, ele a ameaçou e continuou a alimentá-la. A mulher até entrou no Guinness Book of Records, como a mulher mais pesada. Ele se gabou de que sua esposa não podia mais se mover de forma independente. Mark considerou que isto era sua conquista. Ele até fez dois filmes sobre tudo isso. Com a ajuda de filmes e fotos de sua esposa, ele ganhou uma quantia considerável.

Psicólogos acreditam que alimentadores são pessoas que gostam do fato de que seu parceiro se tornou tão impotente  e dependente quanto possível. Uma mulher adquire uma doença, ela não pode mais se mover, ela se torna uma vítima. Em geral, isso é um tipo de desvio sexual, porque os alimentadores adoram grandes formas. Também aqui pode ser atribuído o poder sobre uma mulher que ela mesma não se controla mais. Os psicólogos dizem que o “feederismo” é uma forma de violência contra uma mulher. Existem até centros que ajudam as mulheres afetadas pelos alimentadores. Como regra geral, um homem escolhe uma mulher como vítima, que é mais propensa ao complexos de plenitude, ele diz a ela que não precisa perder peso, pelo contrário, que precisa ganhar peso ainda mais.

Se você notar inclinações semelhantes de seu parceiro, de um amigo, de uma pessoa de seu conhecimento, toque o alarme. Não importa o quão ridículo e mais estranho que possa parecer, isso é verdade. Esse fenômeno já se tornou muito comum, então não é pelo simples fato que você não esteja familiarizado com o alimentador, talvez você ainda não saiba mas é possível que algo desse tipo esteja acontecendo perto de você.

Fonte: Texto traduzido e adaptado por OPP do Glavtema.ru

Compartilhar:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

um + catorze =