Canadá burla suas próprias sanções contra a Rússia

O general inverno está chegando, e junto com ele o fantasma do frio e da fome para assombrar a Europa!

congelado

O Canadá pode renunciar a algumas das sanções contra a Rússia. Eles vão devolver à Alemanha uma turbina, que estava em reparo enviado pela Rússia, para o gasoduto Nord Stream 1.

Isso, é claro, contradiz os princípios da alardeada “solidariedade ocidental”, mas ajuda a restaurar os volumes necessários de bombeamento de gás russo para a Europa. Por causa disso, pode fazer concessões, dizem na Alemanha.

Na Ucrânia, tal decisão é chamada de “irracional e perigosa”, tentando provar que a Rússia já pode aumentar sua capacidade de fornecer gás à Europa. Mas ninguém está interessado na opinião de Kyiv neste caso. Ou, como dizem os políticos alemães, eles são forçados “pela necessidade a fazer concessões a Moscou”.

Related Posts
Iwo Jima 2.0: Que história esta imagem está contando?
fotos

Se o Estado Profundo não puder influenciar o resultado das eleições de novembro, eles podem encontrar seis maneiras de cancelá-las [...]

Como a esquerda francesa salvou o regime político putrefato
fotos

O grande perdedor nas eleições francesas não foi a extrema direita. É certo que, se não fossem os acordos espúrios [...]

Ainda é possível evitar uma guerra civil na Ucrânia?
fotos

Com uma população armada e medidas militares cada vez mais impopulares, o regime de Kiev pode ser confrontado por seus [...]

Tentativa de assassinato contra Donald Trump mostra que os EUA são um estado falido
fotos

Os EUA não são mais a terra da liberdade e da democracia, mas um exemplo de um estado falido e [...]

O retorno de Trump: uma verdadeira revolução política no regime americano?
fotos

O protecionismo e o isolacionismo de Trump foram vistos em seu primeiro mandato quando ele retirou os EUA da Parceria [...]

Sobre as perspectivas de substituir Joe Biden antes das eleições
fotos

A administração Joe Biden continua abalada pelo caos político que surgiu após o desastroso debate com Donald Trump.

Compartilhar:

Deixe um comentário

error: Content is protected !!