Candidato de direita do Uruguai rejeita apoio de Bolsonaro

O candidato de direita do Uruguai, Lacalle Pou rejeitou o apoio de Bolsonaro.  O que ele teme é que o apoio de Bolsonaro possa tirar votos!

Reprodução.

Na quarta-feira 30/10, o próprio Lacalle Pou rejeitou o apoio de Bolsonaro.

“Me parece que não é boa coisa que diferentes políticos – e, neste caso, diferentes governantes – incidam, opinem no que pode chegar a acontecer em outro país. Por mais que goste um pouco mais um de outro, certamente esperaria os resultados. Ganhe quem ganhar, é com ele que precisaria me entender (…). Por sorte, o Uruguai não decide o que pensam os brasileiros; decide o que acontece e do que precisam os uruguaios”, afirmou o candidato direitista.

Na quinta-feira dia 31/10, o Ministério das Relações Exteriores do Uruguai convocou  o embaixador do Brasil no país, Antonio Simões, para cobrar explicações sobre as declarações de Jair Bolsonaro a respeito das eleições presidenciais uruguaias. Bolsonaro disse, em entrevista ao Estadão, que torce por uma vitória do candidato da direita, Luis Lacalle Pou, que disputará o segundo turno em 24/XI com o governista Daniel Martínez.

“Torcemos que aconteça a eleição de alguém mais ligado ao nosso time, aí teríamos o Uruguai afinado conosco”, afirmou Bolsonaro.

Compartilhar:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

nove − 2 =