Grupelho protesta contra a prisão de Sara Winter em frente a PF de Brasília

presa
Reprodução

O grupelho “300 do Brasil”, foi até a sede da Superintendência da Polícia Federal no Distrito Federal nesta segunda (15), carregando faixas para protestar contra a prisão de Sara Fernanda Giromini, mais conhecida como Sara Winter.

Sara “Inverno”, foi uma ex-ativista de um grupo de esquerda feminista “Femen”, logo que viu uma oportunidade mudou de lado, aderindo a extrema-direita apoiando Jair Bolsonaro. Concorreu como da deputada pelo Rio de Janeiro mas não foi eleita, ao contrário de sua companheira Carla Zambelli, que também participava do Femen, e foi eleita deputada federal por São Paulo.

Os ataques sistemáticos que ela e seu grupo fez ao STF, em particular ao ministro Alexandre de Moraes, e ocasionou a sua prisão, faz parte de uma estratégia política. Por isso, ela precisa de promover ações extremada que cause alguma polêmica, sem esse método irá minguar e cair no esquecimento, mesmo porque, os seus 300 não passam de uns 30.

Veja vídeo:

Compartilhar:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

5 × 5 =