Mais um novo escândalo envolve a família Bolsonaro

O tio da primeira-dama do Brasil, esposa de Jair Bolsonaro, é preso e ainda é investigado por homicídio, extorsão e loteamento irregular.

Mais uma notícia envolvendo a justiça atinge a família Bolsonaro. Dessa vez o alvo foi João Batista Firmo Ferreira, tio de Michelle Bolsonaro. João foi preso na última quarta-feira, 29, acusado de integrar um grupo de milicianos em Ceilândia, no Distrito Federal.

A notícia foi divulgada em primeira mão pelo jornal Correio Braziliense, e em seguida atingiu grandes meios de comunicação, como a revista Época.

O tio da primeira-dama é ainda alvo de investigações de homicídio, extorsão e loteamento irregular do solo. João é um militar reformado e estaria integrando uma milícia que a polícia tenta desmontar no Distrito Federal.

A Operação que capturou o irmão da mãe de Michelle Bolsonaro foi montada por departamentos da Polícia Civil do Distrito Federal e prendeu ao todo sete policiais acusados de formarem a milícia.

Todos os presos são sargentos que aturaram ou ainda atuavam no 8º ou 10º Batalhão da Polícia Militar, trabalhando na região de Sol Nascente, mesmo local onde a milícia desarticulada atuava. As investigações correm na Polícia Civil desde 2011, mas só agora conseguiram prender os sete sargentos, pois um ex-integrante se beneficiou da delação premiada para entregar os demais envolvidos com a milícia.

Fonte: blastingnews

Compartilhar:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

19 + 14 =