Medo e desconfiança dos japoneses causam impacto na economia do país

Boatos provocaram corrida pelo papel higiênico. Reprodução

Da redação OPP

Osaka (09/03) – Com a crise que ronda o Japão, as primeiras vítimas são trabalhadores asiáticos trazidos ao país como parte de uma nova política trabalhista. Como são trabalhadores que recebem por hora, e com baixa demanda de vários setores industriais, tiveram redução na carga horária de trabalho, e isto reflete em seus salários.

O dólar nesta segunda (09/03), está valendo 102,52 ienes, até meados de fevereiro o dólar era cotado à 111,98,  uma queda 8,44 porcento, isto é extremamente grave para um país com a economia debilitada e dependente das exportações.

Falta de produtos continuam nas prateleiras do supermercado

Boatos que circularam no início da semana passada nas redes sociais diziam que a matéria-prima para fabricação do papel higiênico é proveniente da China, país duramente castigado pelo novo coronavírus. Foi a senha para uma corrida aos mercados, zerando praticamente todo os estoque.

Apesar a Associação de Fabricantes de Papel do Japão desmentir o rumor e informar que a produção nacional é suficiente para abastecer o mercado interno, e que apenas 2 porcento da matéria prima do papel higiênico é proveniente da China, o fato é que continua faltando papel higiênico há pelo menos uma semana.

Fica a dúvida se realmente as indústria tem condições de abastecerem o país, com ou sem boato.

Álcool gel, lenço e toalha de papel, também estão em falta. Mascará cirúrgica então nem se fala é uma raridade!

Contração da Economia 

A maior contração do Japão em mais de cinco anos aumenta as preocupações entre os economistas sobre a duração de uma provável recessão na terceira maior economia do mundo, já que o impacto do coronavírus e a queda nos preços do petróleo fazem com que os mercados declinem e o iene valorize.

Os dados revisados ​​mostraram que o produto interno bruto encolheu mais rapidamente do que se pensava no trimestre outubro-dezembro, contraindo-se a um ritmo anualizado de 7,1%, enquanto o aumento dos impostos diminuiu o consumo em meio a uma desaceleração global, e as empresas cortaram os gastos de capital no ritmo mais rápido desde o cenário financeiro global. crise. O valor anualizado preliminar foi de 6,3%.

Desconfiança

Até o momento são 511 casos de infectados com novo coronavírus e 17 mortes confirmados, esses números geram mais desconfiança do que certezas. Existe a opinião entre a população que o governo está escondendo a real quantidade infectados.

O sonho de realizar os Jogos Olímpicos está a cada dia mais distante. Mas, o que fazer quando o povo de um país está mais preocupado com quê vai limpar o c…., do que qualquer outra coisa?

Compartilhar:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

12 − 10 =