Narcocracia – Marinha de Honduras envolvida com tráfico de drogas

Os casos envolvendo forças armadas de diversos países da América Latina e tráfico de drogas, não são casos isolados, principalmente durante as ditaduras militares era um verdadeiro caso de “Narcocracia”, desta vez o escândalo atinge a marinha de Honduras.

Outro forte escândalo sacode as Forças Armadas de Honduras, depois que um relatório de investigação da Drug Enforcement Administration (DEA) foi divulgado, no qual vincula a Força Naval de Honduras no transporte de drogas, informa o Sampedrano, jornal La Prensa.

Segundo o relatório, as confissões foram feitas pelo ex-chefe do cartel Valle Valle, Miguel Arnulfo Valle, que atualmente está detido em uma prisão nos Estados Unidos e colabora com o governo daquele país nas investigações realizadas no território hondurenho.

No relatório, Arnulfo Valle explica como o negócio de tráfico de drogas ilícitas foi realizado em Honduras e como a Marinha hondurenha teve participação.

“Arnulfo (Miguel Arnulfo Valle Valle) afirmou que Ton (Noé Montes Bobadilla) tinha esquema com a Força Naval de Honduras para transportar grande quantidade de drogas”, diz o documento, que foi classificado como material altamente protegido.

O relatório mostra que, após ser extraditado de Honduras, Miguel Valle concordou em colaborar com as autoridades dos Estados Unidos: confessou nomes, lugares e respondeu sem reservas a tudo o que foi solicitado.

Compartilhar:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dezessete − 9 =