Oops! It appears that you have disabled your Javascript. In order for you to see this page as it is meant to appear, we ask that you please re-enable your Javascript!

O canibalismo dos primeiros humanos na Europa

Os primeiros humanos na Europa caçavam seus semelhantes, pois essa era a maneira mais eficaz de obter alimento, segundo a revista Journal of Human Evolution.

Os hominídeos da espécie Homo antecessor, que habitavam a Europa há aproximadamente um milhão de anos, caçavam seus semelhantes, conforme um novo estudo realizado por arqueólogos espanhóis do Centro de Investigação sobre a Evolução Humana (CENIEH), publicado na revista.

Ao analisar os restos encontrados na área arqueológica de Atapuerca, na província espanhola de Burgos, os arqueólogos descobriram que o canibalismo era uma estratégia “rentável”, ou seja, de acordo com a “teoria do forrageamento ótimo”, a caça de outros humanos proporcionava um melhor equilíbrio entre os custos (esforços empregados para obter e processar o alimento), e os benefícios (sua capacidade nutritiva).

Nossas análises mostram que o Homo antecessor, como qualquer outro predador, selecionava suas presas seguindo o princípio do custo-benefício”, afirmou um dos autores do estudo, Jesús Rodríguez, ressaltando que “[…] considerando apenas esse equilíbrio, os humanos eram uma presa de ‘alto nível.

Além disso, a descoberta de um grande número de restos humanos canibalizados indica um alto grau de aprovação da prática na região naquela época pré-histórica.

Outra possível explicação é que “os cadáveres canibalizados eram de membros do grupo, mortos por diferentes causas”, afirma Ana Mateos, coautora do artigo.

O Homo antecessor é a espécie mais antiga da Europa e viveu durante o período entre 1,2 milhões e 800.000 anos a.C.

Do Sputnik

Compartilhar:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *