Todos os homens do presidente e as lições para jamais serem esquecidas

Que o presidente Lula ao assumir a presidência da República nunca foi aceito pela elite da sociedade todo mundo sabe.  Também é verdade que dentro da máquina do governo  havia grupos que nunca o aceitaram, mas estavam em seus postos ainda inertes e comportados.

Se o presidente acertou nas indicações de pessoas para muitos postos de comando também errou feio. Tivemos vários ministros extraordinários que podemos citar como, o Fernando Haddad no ministério da Educação, José Gomes Temporão ministro da saúde entre outras personalidades.

Alguns erros cometidos que ao longo do tempo acabaram sendo fatais para o governo

Não fazer enfrentamento e dar autonomia a estamentos que no futuro conspirariam para o golpe contra a presidenta Dilma, cito como exemplo a polícia federal, MPF entre outros;

Jamais deveria aceitar a imposição de lista tríplice para nomear o Procurador Geral da República;

No episódio do “grampo sem áudio” do Gilmar Mendes, o delegado Paulo Lacerda perdeu o cargo de diretor da Policia Federal. A partir desse episódio o governo começou a perder o controle da Policia Federal;

O caso em que ex-ministro Antonio Palocci e o BNDES salvaram a Rede Globo de Televisão, envolvida num caso de sonegação fiscal bilionário e, sobretudo, arriscada a falir por conta de seus negócios desastrosos na Europa;

Não bancar o projeto da lei da mídia democrática.

As nomeações do STF

O Supremo Tribunal Federal é um órgão estatal que sempre foi conservador, mas discreto, porém à medida que foram feitas nomeações por indicações para o cargo de pessoas não qualificadas,  começou a degenerar  e  tornar cada vez mais uma autarquia, com interferência indevida nos demais poderes.

É o fenômeno da judicialização da política. Alguns membros nomeados eram praticamente desconhecidos e foram alçados ao um poder praticamente ilimitado.

Assim dizia Maquiavel: “Dê poder a um Homem e Verás quem ele é”.

Que o poder inebria, corrompe aos incautos e oportunistas, isto sabemos!

Lista dos indicados pelo ex-presidente Lula para o STF

Eros Grau, Carlos Alberto Menezes Direito, Ayres Britto, Cármen Lúcia, Ricardo Lewandowski, Cezar Peluso, Joaquim Barbosa e Dias Toffoli.

De todas as nomeações a mais desastrosa de todas para o Supremo foi a de Joaquim Barbosa. Quem não se lembra do espetáculo televisivo protagonizado pelo ex-ministro no julgamento da Ap470.

Possuidor de uma personalidade com tendência a tirania, parecia uma fera caminhando no plenário com gestos teatrais, e reagia com agressividade quem o contrariava. Na verdade aquilo não era um julgamento parecia mais um pelotão de fuzilamento.

Não havia nenhuma chance para defesa tanto de José Genuíno e José Dirceu entre outros.

Além de utilizar uma teoria estranha do chamado “Domínio de Fato”, defendeu com unhas e dentes que os processos dos réus sem foro privilegiado não fossem desmembrados. Para piorar a situação as penas foram aumentadas na chamada dosimetria para que os condenados não pudessem recorrer.

Todas as arbitrariedades daquele processo serviram de inspiração e foi um terreno fértil que no futuro acabaram dando cria, gerando alguns borbosinhas como juiz Sérgio Moro e o Dellagnol.

Para o PT a condenação de José Dirceu foi um desastre em termos de organização porque ele era o estrategista do partido a “cabeça pensante”. O Genuíno também uma figura histórica, repeitado no Congresso Nacional foi destruído politicamente.

Eu pessoalmente senti muito sua condenação, no final da década de 80, conheci o então deputado José Genuíno, ele fora convidado a dar uma palestra na universidade em que estava estudando o curso de Física e posteriormente mais tarde acabei formando também em Engenharia Elétrica.

Com aquele jeito simples e simpático com todas as pessoas e usando o mesmo estilo de terno, ele se deslocara de trem, pois a cidade situava na grande São Paulo.

Sempre admirei pessoas que quando estão no poder não muda e não se corrompe, apesar de desde aquela época pertencer ao Partidão nunca tive uma posição sectária, para mim todo lutador pela causa do trabalhador e do povo era e é um companheiro.

José Genuíno é este tipo de pessoa e foi condenado injustamente.

Diante desses fatos, todos esses erros com o tempo foram se acumulando e somados também aos erros da sucessora Dilma Roussef mais a complacência com setores tucanos da polícia federal, acabaram na deposição da presidenta e a prisão do ex-presidente Lula.

Em uma entrevista após julgamento em que foi negado o habeas corpus do ex-presidente Lula, o ministro Gilmar Mendes disse: “Tudo isto que está acontecendo foi porque nomearam pessoas para o STF que não tinham pedigree”.

Penso que a palavra certa não seja pedigree, mas “preparo” para um cargo de suma importância e “caráter” para não sucumbir as pressões e conveniências do momento.

 

 

Compartilhar:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dez − 9 =