40 oficiais, 18 soldados, 2 civis presos durante tentativa de golpe no Sudão

O golpe foi frustrado sem um tiro ser disparado e não houve relatos de ninguém morto ou ferido
sudão
© EPA-EFE/MOHAMMED ABU OBAID, archive

Um total de 60 pessoas foram presas por seu envolvimento na tentativa de golpe de terça-feira no Sudão, informou a Sky News-Arábia.

De acordo com o relatório, entre os presos estão 40 policiais, 18 militares e 2 civis. O relatório não forneceu mais detalhes.

Anteriormente, a agência de notícias SUNA do Sudão relatou citando o governo que as agências de segurança nacional e os militares frustraram uma tentativa de golpe, acrescentando que todos os envolvidos foram detidos e que a investigação está em andamento. Posteriormente, o ministro da Cultura e Informação, Hamza Baloul, confirmou que os conspiradores eram militares, ligados ao regime do ex-presidente Omar al-Bashir.

Mais cedo, a Al Arabiya relatou que um grupo de oficiais iniciou um golpe por volta das 3 da manhã, horário local, e tentou tomar o poder no Sudão depondo o Conselho Soberano do governo. De acordo com o relatório, os rebeldes eram comandados pelo major-general Abdel-Baqi Bakrawi. Todos eles estão supostamente ligados à organização islâmica Irmandade Muçulmana.

De acordo com a Al Arabiya, o golpe foi frustrado sem um tiro disparado e não houve relatos de mortos ou feridos. A situação na capital sudanesa continua tranquila, todas as estradas estão desobstruídas e todos os serviços e lojas do Estado funcionam normalmente.
Compartilhar:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Content is protected !!