A sentença de morte do chefe da Yakuza não vai impedir o crime organizado

Embora os subordinados do chefe da gangue possam pensar duas vezes sobre um assassinato, eles continuarão a operar como antes

Yakuza
Rising Sun (1993, EUA), Diretor: Philip Kaufman; estrelado por Leo Lee e John Koyama. Foto: AFP / 7e Art / 20th Century Fox / Photo12

Satoru Nomura, o chefe de 74 anos do infame sindicato do crime Kudo-kai do Japão, foi notícia em agosto quando se tornou o primeiro chefe yakuza ativo a receber uma sentença de morte.

Proferida por um tribunal distrital em Fukuoka, a sentença foi punição por seu envolvimento em um assassinato e três outros ataques violentos.

Apesar da falta de evidências diretas que o ligassem aos assassinatos, o tribunal concluiu que Nomura, como chefe de uma organização conhecida por sua brutalidade, tinha responsabilidade de supervisão no assassinato cometido por seus subordinados, bem como nos outros três incidentes.

Related Posts
Sobre Israel e estupro
fotos

As duvidosas alegações de violação de Tel Aviv contra o Hamas escondem a chocante crise de violência sexual doméstica de [...]

Invasão da embaixada mexicana no Equador: Colapso do direito internacional
fotos

O mundo acompanhou com espanto conforme a polícia equatoriana de Quito invadia a Embaixada Mexicana no país para cumprir um [...]

Um “inimigo comum” coletivo agora persegue a humanidade
fotos

Os assassinos em série psicopatas, utilizando os seus vastos recursos financeiros, políticos e mediáticos, estão inexoravelmente a pôr em prática [...]

Como se desenvolve o mercado da eutanásia no Ocidente
fotos

Entre as medidas práticas para controlar os níveis populacionais no Ocidente, a ideia da eutanásia é ativamente promovida. O trabalho [...]

O Ocidente insiste em tentar inventar um novo “caso Guaidó”
fotos

Talvez achar que a insistência possa compensar a falta de competência, já que corporações midiáticas, ONGs e governos atlantistas decidiram [...]

A OTAN está a perder a guerra por procuração contra a Rússia
fotos

Uma derrota de Washington e dos seus parceiros da NATO na Ucrânia seria um desastre político para as potências ocidentais. [...]

Compartilhar:

Deixe um comentário

error: Content is protected !!