Cientistas russos falam da possível evidência de vida em Vênus

Imagens da superfície de Vênus analisadas por pesquisadores mostram objetos que lembram os contornos de criaturas terrenas como o escorpião, lagarto, e fungos foram possíveis graças as missões das sondas soviéticas Venera.

fotos

Um grupo de cientistas russos , depois de analisar imagens da superfície de Vênus, apresentou uma hipótese sobre a existência de seres vivos no planeta do sistema solar.

Os pesquisadores usaram as imagens panorâmicas de Vênus, gravadas entre 1975 e 1982 com as sondas soviéticas  Venera 9, 10, 13 e 14, e foram capazes de identificar em câmera lenta objetos com estrutura estável.

As imagens analisadas das sondas, mostram objetos que se assemelham aos contornos de criaturas terrenas, como escorpiões, lagartos.

A hipótese dos cientistas russos baseia-se no fato de que as condições necessárias para o surgimento e manutenção de formas de vida extraterrestres podem diferir daquelas do nosso planeta.

fotos
Imagem da superfície de Vênus

Após a possível descoberta, um dos pesquisadores Valery Snytnikov disse que “a descoberta da vida extraterrestre afetaria todo o conhecimento humano, algo comparável à expansão da humanidade além da Terra e do início da era espacial”.

A possibilidade de existência de formas de vida em Vênus viabilizou missões ao planeta desde 1950 e, apesar de suas altas temperaturas e enorme pressão atmosférica, as nuvens do planeta vizinho poderiam abrigar micro-organismos.

Fontes: RIA Novosti/Telesur

Compartilhar:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Content is protected !!