Policial afroamericano agride latino que não sabia inglês no supermercado Walmart

cubano

Um homem de origem cubana foi preso na noite 14/06, acusado de agressão a um policial dentro de um Walmart em Northside, Flórida.

O incidente começou quando um funcionário do Walmart no River City Marketplace disse a um segurança que Yoel Rodríguez, 43, e sua família se recusaram a deixar a loja depois que ela foi fechada.

David Rodríguez, sobrinho de Yoel, disse que seu tio não fala inglês e que, quando estavam na fila do caixa, Yoel retornou a uma área da loja, mas foi informado por um funcionário que estava fechado. Ele não entendeu a mensagem, então o funcionário informou ao segurança que havia um homem que não queria “sair da loja”.

O policial então tenta agarrar o braço de Rodríguez em uma aparente tentativa de detê-lo, mas Rodríguez se afasta e empurra o braço do oficial. O oficial tenta agarrar Rodríguez novamente e mais uma vez Rodríguez se afasta.

Rodríguez diz ao oficial em espanhol: “Deixe-me ir, não me toque”.

Foi quando o policial deu um soco no rosto de Rodríguez várias vezes, derrubando-o no chão e sangrando o rosto enquanto sua esposa gritava ao fundo.

Rodríguez, recebeu uma fiança de US $ 7.500 na segunda-feira de manhã (15/06). Ele disse ao juiz através de um intérprete que ele também estava com o nariz quebrado.

David Rodríguez disse que sua família planeja contratar um advogado e levar o caso o mais longe que puder.

“Ele é um policial. É preciso ser profissional na maneira como lida com o seu trabalho ”, disse David Rodríguez.

Steve Zona, presidente da Ordem da Polícia Fraterna de Jacksonville, divulgou um comunicado:

“É muito claro que o réu nesse caso não apenas bateu no braço do policial, mas se afastou ativamente e resistiu ao policial”, escreveu Zona. “Agradecemos que o policial tenha conseguido superar a resistência e evitar ferimentos graves ao acusado, ferimentos a si mesmo ou ferimentos a pessoas inocentes”.

Fonte: americateve.com

Compartilhar:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

11 − 7 =