Despesas da ex-primeira-dama teriam sido pagas com recursos de uma empresa contratada pelo governo Bolsonaro

casal 171

A investigação da Polícia Federal que apura um suposto esquema de desvios de recurso e de ‘rachadinha’ no Palácio do Planalto, durante o governo Jair Bolsonaro (PL), identificou que o tenente-coronel Mauro Cid, então ajudante de ordens do ex-mandatário, realizou uma série de depósitos em dinheiro vivo na conta da ex-primeira-dama Michelle Bolsonaro. Cid foi preso no dia 3 de maio pela suspeita de fraudes envolvendo cartões de vacinação contra a covid-19 de Bolsonaro e seus familiares; além de aliados próximos.

A Polícia Federal (PF) encontrou, em trocas de mensagens por WhatsApp, as imagens de sete comprovantes de depósitos em dinheiro vivo feitos por Cid, “que foram encaminhadas às assessoras da então primeira-dama”, denunciou a coluna do jornalista Aguirre Talento, no portal de notícias UOL. “Os repasses, realizados de maneira fracionada, foram realizados no período de 8/3/2021 até 12/05/2021 e totalizaram R$ 8,6 mil”, acrescentou o jornalista, nesta segunda-feira.

Contrato

Também foi encontrada uma transferência bancária de R$ 5 mil, realizada em julho de 2021, feita diretamente da conta de Mauro Cid para a conta de Michelle. “Por causa dessas transações, o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Alexandre de Moraes autorizou a quebra do sigilo bancário de Mauro Cid e outros servidores que trabalhavam na Ajudância de Ordens da Presidência”, lembrou.

Neste fim de semana, veio à tona a informação de que despesas da ex-primeira-dama teriam sido pagas com recursos de uma empresa contratada pelo governo de Bolsonaro.

 A defesa de Jair e Michelle Bolsonaro nega a existência de  irregularidades.

Related Posts
A coragem de Lula e o vira-latismo da mídia
fotos

A declaração do presidente Luiz Inácio Lula da Silva sobre a similaridade entre o extermínio do povo palestino que Israel [...]

Mourão e o golpismo fora de época
fotos

O senador Hamilton Mourão, acostumado com a linguagem da caserna, e ainda ambientado nos anos do golpe de 1964, viciado [...]

A Vale, o governo Lula, o brasileiro, a mídia e os poderes do estado
fotos

A trajetória para o 1º Mundo de uma nação já está delineada e comprovada: Ser protagonista na geração de produtos [...]

Caso First Mile derruba membro da atual diretoria da PF por suposta espionagem ilegal
fotos

O mais recente desdobramento da investigação sobre uma suposta espionagem ilegal de agentes da Agência Brasileira de Inteligência (Abin) derrubou [...]

“Militares atuaram em 8 de janeiro por omissão e também por ação”, diz historiador
fotos

Francisco Teixeira, da UFRJ, revela que pesquisadores intercederam para governo não aprovar GLO após invasão em Brasília Por Texto: Natalia [...]

Um ano depois, entenda a narrativa da associação dos familiares dos presos no 8 de janeiro
fotos

Há um ano, em 8 de janeiro de 2023, pessoas contrárias à posse de Luiz Inácio Lula da Silva (PT) [...]

Compartilhar:

Deixe um comentário

error: Content is protected !!