Governo Bolsonaro pagou R$162,00 por caixa de leite condensado

leite condensado
Reprodução

A cada tentativa de justificativa do gasto absurdo de quase 2 bilhões em alimentos, no ano de 2020, no cartão corporativo, o governo Bolsonaro se complica ainda mais.

O gasto de 15 milhões de reais em leite condensado começa a fazer sentido, ao notar o preço absurdo pago pela unidade. Enquanto uma caixa do produto é encontrada a aproximadamente R$ 6,00 em qualquer supermercado, Bolsonaro pagou R$ 162,00 na unidade, segundo o portal dos gastos do governo.

leite condensado
Print do portal dos gastos do governo.

Em plena pandemia, o Palácio do Planalto simplesmente manteve gastos exorbitantes com alimentos de luxo, em valores absolutamente suspeitos.

O preço pago pela caixa de leite condensado tem cheiro de superfaturamento, como forma de desvio de dinheiro através do fornecedor do produto. Bolsonaro tem histórico de possível desvio desse tipo, no gasto em milhões, com combustível pego pela Câmara dos Deputados.

Os dados que vieram à tona justificam a tentativa de incluir o cartão corporativo do executivo sob sigilo, ainda no primeiro ano de governo.

Fonte: A postagem

Related Posts
A coragem de Lula e o vira-latismo da mídia
fotos

A declaração do presidente Luiz Inácio Lula da Silva sobre a similaridade entre o extermínio do povo palestino que Israel [...]

Mourão e o golpismo fora de época
fotos

O senador Hamilton Mourão, acostumado com a linguagem da caserna, e ainda ambientado nos anos do golpe de 1964, viciado [...]

A Vale, o governo Lula, o brasileiro, a mídia e os poderes do estado
fotos

A trajetória para o 1º Mundo de uma nação já está delineada e comprovada: Ser protagonista na geração de produtos [...]

Caso First Mile derruba membro da atual diretoria da PF por suposta espionagem ilegal
fotos

O mais recente desdobramento da investigação sobre uma suposta espionagem ilegal de agentes da Agência Brasileira de Inteligência (Abin) derrubou [...]

“Militares atuaram em 8 de janeiro por omissão e também por ação”, diz historiador
fotos

Francisco Teixeira, da UFRJ, revela que pesquisadores intercederam para governo não aprovar GLO após invasão em Brasília Por Texto: Natalia [...]

Um ano depois, entenda a narrativa da associação dos familiares dos presos no 8 de janeiro
fotos

Há um ano, em 8 de janeiro de 2023, pessoas contrárias à posse de Luiz Inácio Lula da Silva (PT) [...]

Compartilhar:

Deixe um comentário

error: Content is protected !!