Medo da Fome: Os Estados Unidos retiraram fertilizantes russos das sanções

Washington retirou os fertilizantes russos das sanções, informa a Forbes, citando fontes nos primeiros escalões do poder americano.

agronegócio

Os EUA, temendo a fome e as revoltas sociais, voltaram atrás, agora os fertilizantes foram equiparados a bens essenciais, assim, todos esses produtos e empresas que os produzem não são automaticamente incluídos na lista de sanções.

Especialistas já estão dizendo que os Estados Unidos deram esse passo para evitar as perspectivas muito reais de fome no país.

Hoje a Rússia é um dos maiores produtores de fertilizantes de nitrogênio, fósforo e potássio do mundo.

Lembre-se de que na Grã-Bretanha e na Alemanha as prateleiras dos supermercados já estão bastante vazias e vários produtos nos países europeus são vendidos um de cada vez por pessoa.

Compartilhar:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

error: Content is protected !!