Rui Costa vai ao STF por compra direta de 50 milhões de doses da Sputnik V

vacina
© Folhapress / Futura Press / Joá Souza

Nesta sexta-feira (15), o governador da Bahia, Rui Costa (PT), anunciou que vai ao Supremo Tribunal Federal (STF) para garantir a compra direta de doses da vacina russa Sputnik V.

O governador fez o anúncio através de suas redes sociais, afirmando que pretende comprar 50 milhões de doses da vacina.

Determinei à Procuradoria Geral do Estado da Bahia que ingresse com uma ação no Supremo Tribunal Federal para que possamos efetivar a compra direta da vacina russa Sputnik V, com a qual já assinamos um acordo de cooperação para o fornecimento de até 50 milhões de doses.

Costa também teceu críticas contra o governo do presidente brasileiro Jair Bolsonaro (sem partido), dizendo que “se eles não têm capacidade de fazer nada, melhor que peçam demissão ou renunciem”.

Não podemos assistir passivamente baianos e brasileiros morrendo diariamente diante da incapacidade do Governo Federal. Se eles não têm capacidade de fazer nada, melhor que peçam demissão ou renunciem. O povo brasileiro não merece ser maltratado e humilhado. Precisamos reagir!

O governador baiano já havia anunciado que o estado terá mais de cinco mil salas preparadas para a vacinação e 50 mil profissionais de saúde à disposição para o esforço de imunização dos cidadãos. Segundo os dados do Ministério da Saúde, a Bahia acumula 523.068 casos do novo coronavírus e 9.543 mortes por COVID-19.

A vacina russa Sputnik V é desenvolvida pelo Centro Nacional de Pesquisa de Epidemiologia e Microbiologia Gamaleya e já foi aplicada em mais de um milhão de pessoas em diversos países. Nações vizinhas do Brasil como Paraguai, Bolívia, Argentina e Venezuela já aprovaram o uso do imunizante.

A medida anunciada pelo governador baiano vem no dia seguinte ao decreto de toque de recolher e fechamento do comércio no estado do Amazonas, imposto pelo governador local Wilson Lima (PSC) após o colapso do sistema.

Fonte: Sputnik

Compartilhar:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Content is protected !!