Um avanço inédito na Ciência: Cientistas japoneses põe fim à infertilidade criando óvulos a partir do sangue

fotos
Foto: Blog ECO

De acordo com Ecosever.ru, um avanço inédito na história da ciência: cientistas japoneses criaram óvulos humanos, usando as células do sangue como base. Uma nova técnica está planejada para ser usada para a vitória final sobre o problema da infertilidade. O estudo envolve pesquisadores de diversos laboratórios japoneses, liderados pela Universidade Kyoto.

Antes desse grande evento, o mesmo grupo de pesquisadores conseguiu “produzir” espermatozoides e óvulos das células da pele de camundongos. Com base neles, uma ninhada inteira de roedores foi subsequentemente produzida. Os cientistas estão convencidos de que o sonho da maternidade de milhões de mulheres pode ser resolvido graças ao método de criar óvulos a partir do sangue.

Mas alguns luminares expressam dúvidas sobre isso, eles falam sobre ética e padrões morais, argumentando que este método é um caminho direto para a eugenia – a ciência de criar crianças projetadas para serem dotadas de características aprimoradas.

Os defensores da eugenia defendem que no futuro pessoas exclusivamente inteligentes, bonitas e talentosas habitarão o planeta. Os pais irão programar as próprias crianças, dotando-as de características de aparência e traços específicos de caráter.

Os próprios pesquisadores japoneses não traçam um paralelo entre esse método e a eugenia. Eles veem um ponto positivo no fato de que especialistas em clínicas de fertilidade têm uma excelente oportunidade de fazer milhares de casais felizes. De fato, muitos casais apesar de passar por caros de tratamento, não obtêm o resultado esperado.

No Brasil, segundo as estatísticas, 30% dos casais encontram dificuldades para engravidar após um ano de tentativas, e muitos recorrem à fertilização in vitro (FIV) como último recurso.

Texto adaptado do Ecosever

 

Compartilhar:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Content is protected !!