Vitória geopolítica da Rússia – EUA renunciará sanções contra Nord Stream 2

A notícia que o governo Biden pretende renunciar às sanções contra a Nord Stream 2 AG, a operadora do gasoduto Nord Stream 2, e seu diretor-gerente, marca uma grande vitória geopolítica da Rússia

gasoduto russo
© Bernd Wuestneck / dpa via AP

A Europa e sobretudo a Alemanha que anunciou recentemente o encerramento das atividades das usinas nucleares em 2022, irá depender cada vez mais do gás russo.

A concretização do gasoduto Nord Stream 2 tem um grande simbolismo, significa o início da aliança russo-germânica, e o começo do fim da vassalagem da Europa pelos EUA.

Citando duas fontes, o site de notícias Axios, informou que a administração dos Estados Unidos pretende renunciar às sanções contra Nord Stream 2 AG, a operadora do Nord Stream 2, e seu diretor-gerente Matthias Warnig. O relatório observou que o governo do presidente dos EUA, Joe Biden, não pretende prejudicar as relações com a Alemanha por causa do gasoduto.

O projeto Nord Stream 2 implica a construção de duas linhas de um gasoduto com uma capacidade total de 55 bilhões de metros cúbicos por ano da costa da Rússia através do Mar Báltico até a Alemanha. A obra foi suspensa em dezembro de 2019 depois que o Grupo Swiss Allseas abandonou a instalação de tubos devido a possíveis sanções dos EUA. Em dezembro de 2020, a construção do gasoduto foi retomada após uma pausa de um ano. Até agora, Nord Stream 2 está 95% concluído.

Compartilhar:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Content is protected !!