A lava jato e o sonho de Ícaro

Diz a lenda que Ícaro recebeu uma par de asas de cera com revestimento de penas de seu pai Dédalo.

Só que recebeu uma advertência: “Voe, mas não chegue perto do sol! Pois se assim o fizer, a asa derreterá e você será precipitado no abismo”.

Assim acontece com a lava jato, os seus protagonistas em sua prepotência e vaidade, se descuidaram em frente à luz dos holofotes. A exposição maciça e a saturação vão revelando aos poucos o lado obscuro da operação.

O delegado Maurício Moscardi Grillo enquanto estava perseguindo os petistas na lava jato tinha até capa da revista Veja, porém na ânsia de aparecer na mídia, revelou dados sigilosos na investigação da Carne Fraca e como resultado, vários frigoríficos sofreram sanções da União Europeia, Coréia do Sul, China e Chile. Mexeu com interesses do setor do agronegócio, gerando enormes prejuízos e agora amarga o ostracismo.

A delegada Marena e a juíza Janaína Cassol Machado, culpadas pelo suicídio do reitor Cancellier estão estigmatizadas para sempre! Agora ainda mais com a proibição pelo STF da condução coercitiva, aliás, uma medida desnecessária, pois é evidente que tal procedimento era e sempre foi ilegal e inconstitucional. Porém, estamos vivendo um tempo muito estranho!  Mas  agora fica a pergunta: Como fica a morte do reitor e a condução coercitiva de Lula e de outras vítimas das arbitrariedades da lava jato?

O procurador-barbicha Carlos Fernando dos Santos Lima foi acionado no CNMP (Conselho Nacional do Ministério Público) não por ter atacado políticos como Lula como costuma fazer em sua rede social, mas por ter atacado ministros do Supremo.

As recentes declarações do advogado Tacla Duran na Câmara revelando os bastidores da lava jato e a indústria das delações premiadas tem tudo para abrir novas fissuras na operação que podem atingir diretamente o padrinho de casamento de Moro, o advogado Zucolotto.

Por outro lado, Moro e Dallagnol sabem que se parar de “bater asas” vão perder sustentação e serão precipitados no abismo, porém, se continuarem em sua sanha persecutória para satisfazerem os holofotes globais, vão ter suas asas derretidas. É um caminho sem volta, uma vez iniciado o voo não tem como parar!

Kronos o senhor do tempo, do abismo aguarda pacientemente um a um, para devorá-los!

Compartilhar:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

quatro × dois =