Carlos Wizard deixa governo após declaração sobre contagem de mortos do coronavírus

Declarações desastrosas para agradar o chefe, geraram protestos e movimentos de boicote às empresas ligadas ao empresário

Wizard
Carlos Wizard, presidente do grupo Sforza. Reprodução

Mais um soma-se a lista dos que foram sem nunca ter entrado no governo. Regina Duarte da secretária da Cultura, Dante Mantovani da Funarte, Alexandre Cabral da presidência do Banco do Nordeste, agora é vez de Carlos Wizard, ele deixou de ser conselheiro do Ministério da Saúde e recusou o convite para virar secretário da pasta.

O  fascista Jair Bolsonaro é um desastre, além de não saber escolher membros do governo, ele é um elemento desagregador nato!

Recontagem de Mortos

No fim de semana, Wizard causou polêmica ao afirmar, em entrevista ao jornal O Globo, que o governo iria recalcular os mortos pela Covid-19, engrossando as indicações da gestão de Jair Bolsonaro no sentido da omissão e manipulação de informações sobre a pandemia.

Em entrevista à Folha, o empresário recuou em parte, dizendo que a ideia não era “desterrar mortos”, mas olhar para frente. Mesmo assim, manteve a afirmação de que, para ele, os dados podem estar inflados —apesar de especialistas da área citarem o contrário, a subnotificação.

A reação

Os secretários estaduais de saúde classificaram a acusação como uma “tentativa autoritária, insensível, desumana e anti-ética de dar invisibilidade aos mortos pela Covid-19”.

Ainda de acordo com o Conass – Conselho Nacional de Secretários de Saúde, ao levantar suspeita sobre os dados, Carlos Wizard revelou “profunda ignorância sobre o tema” e “insulta a memória de todas aquelas vítimas indefesas desta terrível pandemia e suas famílias”.

Related Posts
PEC dos militares na política: Mourão junta oposição para frear mudanças em candidaturas
fotos

Até terça-feira (20), o Palácio do Planalto contava com a volta das sessões no Congresso para fazer avançar a despolitização [...]

A coragem de Lula e o vira-latismo da mídia
fotos

A declaração do presidente Luiz Inácio Lula da Silva sobre a similaridade entre o extermínio do povo palestino que Israel [...]

Mourão e o golpismo fora de época
fotos

O senador Hamilton Mourão, acostumado com a linguagem da caserna, e ainda ambientado nos anos do golpe de 1964, viciado [...]

A Vale, o governo Lula, o brasileiro, a mídia e os poderes do estado
fotos

A trajetória para o 1º Mundo de uma nação já está delineada e comprovada: Ser protagonista na geração de produtos [...]

Caso First Mile derruba membro da atual diretoria da PF por suposta espionagem ilegal
fotos

O mais recente desdobramento da investigação sobre uma suposta espionagem ilegal de agentes da Agência Brasileira de Inteligência (Abin) derrubou [...]

“Militares atuaram em 8 de janeiro por omissão e também por ação”, diz historiador
fotos

Francisco Teixeira, da UFRJ, revela que pesquisadores intercederam para governo não aprovar GLO após invasão em Brasília Por Texto: Natalia [...]

Compartilhar:

Deixe um comentário

error: Content is protected !!