Cesare Battisti é preso na Bolívia

Foto – Miguel Schincariol (AFP)

O ex-militante da esquerda Cesare Battisti condenado á prisão perpétua por acusação de quatro assassinatos na Itália na década de 1970, foi preso na Bolívia na noite deste sábado, 12 de janeiro, por uma equipe formada por agentes italianos e brasileiros (Interpol) na cidade de Santa Cruz de La Sierra.

Battisti era considerado foragido desde dezembro do ano passado, quando o ministro do Supremo Tribunal Federal(STF) Luiz Fux, ordenou sua prisão preventiva.

Sobre a hipótese de seu destino, ainda nada está decidido se Battisti será encaminhado de volta ao Brasil para ser extraditado, ou se será enviado à Itália diretamente da Bolívia. Também há a possibilidade de ele também solicitar pedido de asilo à Bolívia.

Compartilhar:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

doze + três =