Decepção, mas compreensão sobre o adiamento das Olimpíadas de Tokyo

Como havia escrito em uma publicação anterior, apesar da relutância do governo japonês, não tinha jeito e muito menos haveria clima para realizar os jogos Olímpicos esse ano

Relógio de contagem regressiva para os jogos Olímpicos em frente à estação de Tokyo. Reprodução

As pessoas no Japão reagiram com amarga decepção na terça-feira (24/03), com o comunicado que os Jogos Olímpicos que o país deveria sediar foram adiadas após anos de preparativos, mas muitos disseram que entenderam a dura resolução à luz da pandemia do COVID-19.

Mesmo logo após o anúncio, a famosa travessia de Shibuya em Tokyo se amontoou com multidões de jovens à noite, com o Japão não tendo sido submetido às mesmas restrições de movimento impostas por grande parte do resto do mundo.

“É decepcionante, com certeza, mas quando você pensa na saúde dos atletas e dos espectadores, eu entendo”, disse um dos jovens. “O novo coronavírus está se espalhando tão rápido no mundo, e esse é um problema muito sério internacionalmente”.

Faltando apenas quatro meses para o início da Cerimônia de Abertura, a capital já estava enfeitada com pôsteres e panfletos, e mutos ingressos já haviam sido vendidos. Mas as pesquisas de opinião na semana passada mostraram um sentimento crescente de que os Jogos não poderiam ser realizados, já que o mundo enfrenta um vírus que matou mais de 18.000 pessoas e colocou um terço do mundo preso em suas casas.

Compartilhar:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dezesseis − 13 =