Forças armadas da Venezuela neutralizam invasão de mercenários pelo mar

O ministro do Interior, Justiça e Paz da Venezuela, Nestor Reverol, denunciou neste domingo a desarticulação de uma incursão de um grupo terrorista no país por via marítima

O arsenal apreendido durante a operação possuía rifles, pistolas, metralhadoras, cartuchos de calibres diferentes, um barco com dois motores externos, entre outros implementos. | Foto: Redes Sociais

O ministro do Interior, Justiça e Paz da Venezuela, Nestor Reverol, denunciou neste domingo a desarticulação de uma incursão de um grupo armado no país por via marítima, da Colômbia, que tentou entrar nas costas do estado de La Guaira.

Reverol destacou que o objetivo dessa incursão era cometer atos terroristas no país, assassinato de líderes do Governo Revolucionário, aumentar a espiral de violência, gerar caos e confusão na população e, assim, levar a uma nova tentativa de golpe.

“Ao amanhecer de 3 de maio, mercenários tentaram realizar uma invasão por mar”, disse o ministro do Interior em uma entrevista coletiva na manhã de domingo.

Esses indivíduos tentaram entrar em lanchas ao longo da costa do estado de La Guaira, mas, graças à ação oportuna e eficaz de nossas Forças Armadas Nacionais Bolivarianas e à força especial e policial e ação da Polícia Nacional Bolivariana, alguns foram mortos e outros presos.

Reverol também detalhou que a apreensão de fuzis de assalto foi alcançada, enfatizou também que a operação ainda está em andamento, para que mais detalhes sejam fornecidos posteriormente e outras prisões não estão descartadas, uma vez que está sendo realizada uma pesquisa minuciosa no solo, mar e ar.

Parece que as ações frustradas imperialistas para derrubar o governo legitimamente constituído, liderado pelo presidente Nicolás Maduro, os levaram a formular atos extremistas que, sem dúvida, merecem a forte rejeição de nosso povo e da comunidade internacional, disse o ministro.

“Continuamos em constante alerta e resistência a qualquer ameaça contra nossa pátria e responderemos com força contra esses grupos terroristas que tentam contra nossa paz, que é e será nossa principal vitória”, afirmou.

Fonte: Telesur

Compartilhar:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

5 × três =