Gabinetes de PT e PSOL foram invadidos antes da posse de Bolsonaro, denuncia oposição

 Do site Sputnik

Líderes de PT e PSOL, partidos de oposição ao presidente Jair Bolsonaro, denunciaram nesta quinta-feira que os seus gabinetes na Câmara dos Deputados foram invadidos durante os preparativos para a posse, ocorrida na última terça-feira em Brasília.

De acordo com informações do Jornal Nacional, da Rede Globo, os petistas denunciaram a invasão de nove gabinetes, enquanto psolistas falaram na violação de cinco gabinetes.

Segundo os parlamentares donos dos gabinetes, gavetas foram revistadas e mexidas, enquanto janelas com persianas foram fechadas com parafusos.

Além disso, as duas legendas – que anunciaram que não participariam da cerimônia de posse de Bolsonaro – destacaram que não receberam qualquer comunicação prévia da Diretoria Geral da Câmara dos Deputados.

Em comunicado à imprensa, o comando da Câmara declarou que não houve tempo hábil para avisar os deputados da oposição, uma vez que a decisão teria sido tomada no fim de semana passado, e que a segurança da posse demandou a entrada nos gabinetes.

A mesma nota afirma ainda que o objetivo foi impedir que um eventual uso dos gabinetes pudesse desviar a atenção dos atiradores de elite que atuaram na segurança da posse de Bolsonaro. A medida teria sido tomada em todos os gabinetes da Casa.

Compartilhar:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

quatro × cinco =