O Ministério da Saúde da Rússia autoriza o uso do Sputnik V para vacinação em massa de pessoas com mais de 60 anos

A avaliação de especialistas provou a eficácia e segurança da vacina para idosos com mais de 60 anos, acrescentou o ministro da Saúde, Mikhail Murashko.

idosos
© Elena Afonina / TASS

O Ministério da Saúde da Rússia autorizou o uso da vacina Sputnik V para vacinação em massa de pessoas com mais de 60 anos, disse o ministro da Saúde, Mikhail Murashko, ao canal de TV Rossiya 24 no sábado.

“O Ministério da Saúde aprovou as alterações nas instruções de uso médico. A vacina Sputnik V foi aprovada para inocular pessoas com 18 anos ou mais. Assim, os cidadãos com mais de 60 anos agora podem ser vacinados da mesma forma contra a nova infecção por coronavírus”. disse ele, enfatizando que a vacinação em massa está em andamento em todas as regiões da Rússia.

Murashko também observou que a avaliação de especialistas provou a eficácia e segurança da vacina para idosos com mais de 60 anos.

A Rússia começou a vacinação contra COVID-19 em 10 de dezembro. Em 14 de dezembro, Murashko disse que a vacina havia sido distribuída em todas as regiões como parte da campanha de vacinação em grande escala.

Compartilhar:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dois + 12 =