Relatório final da CPI da Covid, segundo o vice-presidente, ‘será devastador’

Na véspera, a CPI da Covid marcou para a próxima terça-feira a oitiva da advogada Bruna Morato. Ela defende o grupo de médicos da Prevent Senior que denunciaram as pressões pela utilização do kit covid e práticas consideradas “estarrecedoras”. Na quarta-feira, será a vez de o empresário bolsonarista Luciano Hang.

CPI do Genocídio

“O relatório final da CPI será devastador”, afirmou o senador Randolfe Rodrigues, vice-presidente da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Covid. Segundo o parlamentar, “depois do relatório final vem a parte mais importante, que será responsabilizar os indiciados”.

— Já aprovamos o compartilhamento das informações sobre a Prevent Senior com o Ministério Público de São Paulo — disse o senador, a jornalistas, nesta manhã.

Na véspera, a CPI da Covid marcou para a próxima terça-feira a oitiva da advogada Bruna Morato. Ela defende o grupo de médicos da Prevent Senior que denunciaram as pressões pela utilização do kit covid e práticas consideradas “estarrecedoras”. Na quarta-feira, será a vez de o empresário bolsonarista Luciano Hang, dono da rede de lojas Havan, ir à CPI da Covid. O depoimento da quinta-feira ainda está indefinido.

Vacina

Bruna Morato deve estar acompanhada de pelo menos um médico que prestava serviços à Prevent, informaram senadores em entrevista após a sessão que ouviu o diretor-institucional da Precisa Medicamentos, Danilo Trento, na véspera. Ainda na tarde passada, Pedro Benedito Batista Júnior, diretor-executivo da Prevent Senior, atribuiu as denúncias contra a operadora a uma “invasão criminosa” dos médicos denunciantes aos arquivos da empresa.

A convocação de Luciano Hang pela CPI da Covid deve-se principalmente a sua “evidente participação nas campanhas para desinformar a população, defesa de tratamento precoce, negociação de vacina, mudança da legislação para negociar vacina para empresa privada”, disse o relator da comissão, Renan Calheiros (MDB-AL), aos jornalistas.

Os senadores Humberto Costa (PT-PE) e Randolfe Rodrigues (Rede-AP) comentaram, ainda, sobre uma viagem a Las Vegas, patrocinada pelo Senado. A intenção da “delegação” teria sido estabelecer tratativas para trazer jogos de azar e cassinos ao Brasil. Questionados sobre se o senador Flávio Bolsonaro (Patriota-RJ) teria ou não participado do voo à cidade dos cassinos nos Estados Unidos, junto com Danilo Trento, da Precisa, Randolfe respondeu: “Foi”.

Fonte: CdB

Compartilhar:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Content is protected !!