Vacina desenvolvida na Rússia para Covid-19 consegue bons resultados em testes pré-clínico

Os ensaios pré-clínicos da vacina para Covid-19 produziram resultados bem-sucedidos em seu primeiro ciclo de teste

Foto: Reprodução

O ministro da Saúde da Rússia, Mikhail Albertovich Murashko, anunciou na quarta-feira (o6/05) que as vacinas criadas para combater o Covid-19 deram resultados positivos em testes pré-clínicos.

“Quanto às vacinas, atualmente existem estudos pré-clínicos e há resultados encorajadores de que obteremos um medicamento que funcionará”, disse o ministro Murashko.

Sobre novos medicamentos, Murashko observou que o Favipiravir foi licenciado para o ensaio clínico “, os primeiros resultados apresentados foram muito satisfatório. Isso nos dá esperança de que esse medicamento também funcione”, acrescentou.

A Organização Mundial da Saúde (OMS) revelou que 24 ensaios clínicos foram identificados com 20 medicamentos, como imunoglobulina humana, interferons, cloroquina, hidroxicloroquina, arbidol, remdesivir, favipiravir, lopinavir, ritonavir, oseltamivir, metilprednisolona, ​​bevacizumabe, entre outros.

Por sua vez, o porta-voz do Kremlin, Dmitri Peskov, disse que não há informações específicas sobre a origem do coronavírus, portanto não é possível dizer se sua origem é feita em laboratório ou se foi resultado de uma mutação.

“Até agora ninguém tem informações detalhadas sobre esse coronavírus, é um coronavírus relativamente novo, que agora está sendo examinado de perto por virologistas de todo o mundo”, disse Peskov.

Segundo dados oficiais, a Rússia realizou até o momento 4.633.731 testes, com 165.929 casos positivos e 1.537 mortes por Covid-19.

Fonte: Prensa Latina

Compartilhar:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

3 × três =