Hipótese “extremamente improvável” que Covid-19 tenha vindo de um incidente de laboratório

Uma equipe da Organização Mundial da Saúde que pesquisa as origens do COVID-19 em Wuhan disse na terça-feira que é “extremamente improvável” que o vírus tenha vindo de um acidente de laboratório e que provavelmente atingiu os humanos por meio de uma espécie intermediária, de acordo com a AP 

OMS

O Instituto de Virologia de Wuhan, localizado a pouco menos de 14 quilômetros do mercado de frutos do mar, onde alguns cientistas dizem que o surto pode ter começado, está no centro das teorias da conspiração sobre as origens do vírus.

“Nossas descobertas iniciais sugerem que a introdução por meio de uma espécie hospedeira intermediária é o caminho mais provável e que exigirá mais estudos e pesquisas mais específicas e direcionadas”, disse o cientista da OMS Peter Ben Embarek.

Não está claro qual animal transmitiu o vírus ou quando isso ocorreu. O vírus também pode ter sido transmitido por meio de alimentos congelados, disse Embarek.

A entrevista coletiva ocorre após uma missão de duas semanas de uma equipe de cientistas da OMS e da China, que há muito foi adiada pela recusa do governo chinês em permitir a entrada de investigadores internacionais no país.

Embora os investigadores tenham se concentrado no mercado, onde animais vivos são vendidos, a transmissão provavelmente ocorreu em outras áreas de Wuhan na época, disse o porta-voz da Comissão Nacional de Saúde da China, Liang Wannian.

Não há indicação de que o vírus estava se espalhando em Wuhan antes de dezembro de 2019, disseram os investigadores.

Compartilhar:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Content is protected !!